sexta-feira, 11 de janeiro de 2008

60 dias de miguelito



hj faz 2 meses que o miguelito é oficialmente meu filho. sim, pq ele sempre foi meu filho desde que nasceu, a gente só não sabia disso, nem tinha se conhecido ainda. é engraçado pensar que são só 60 dias de convivência.

outro dia estava pensando de quando eu paquerava os gatinhos no site. tive interesse por uma porção deles, sempre os adultos e com dificuldade de adoção. sim, pq eu queria dar a oportunidade para um gatinho “comum” de poder ter uma casinha e uma mãe maluquinha que nem eu.

o miguelito estava para adoção há 2 anos, nasceu na casa da susan, do adote um gatinho. sua mãe tinha sido resgatada gravidona. na parte de apadrinhamento tinha a seguinte descrição: “lindo e carinhoso, nunca ninguém se interessou”. na hora que eu li aquilo pensei: gente do céu, como nunca ninguém quis esta belezura? um gatinho lindo assim, que gosta de colinho, chameguento e com os olhos mais lindos que eu já vi! não dava para entender.

hj eu sei que nunca ninguém se interessou, pois ele sempre foi meu. estava lá só me aguardando busca-lo. é, sei que demorei um pouco, mas dizem que as coisas só acontecem quando tem que acontecer, né? e ainda bem que aconteceu, pois eu sou muito feliz em ser a mãe dele.

o miguelito é um gatinho meio desconfiado, para chegar perto dele temos que fazer movimentos delicados para ele não correr. apesar de não gostar que eu o pegue no colo, é só eu sentar no sofá que ele se aninha no meu colo. quando estou deitada, ele deita atrás do meu joelho e coloca a cabecinha em cima de mim. quando anda pela casa, anda miando pedindo cafuné. um miadinho baixo e curtinho, a gente ate brinca que ele parece um patinho hehehehe.

seu pelinho é tão macio que parece feito de algodão. e ele é tão magrelinho (em comparação ao nico com seus 6kg) que nem sentimos quando ele sobe na cama. por falar em cama, uma das coisas mais engraçadas que eu acho é que quando vamos dormir, ele em vez de deitar do ladinho da gente, ele deita literalmente em cima da gente, mais especificamente nas minhas pernas. pq o que ele gosta mesmo é de contato físico.

agora que já passou o perído de estress entre o nico e o miguel, percebemos que um irmão fez bem para o nicão. eles têm ciúme um do outro, o que é engraçado. sempre que estamos dando atenção para um, o outro vem e se mete no meio. o nico as vezes fica puto da vida e tenta dar umas patadas no miguel. claro que a gente nuca deixa e tenta dividir a atenção para que nenhum se sinta preterido, pois não são mesmo.

mas ver os dois correndo e brincando pela casa é mesmo uma alegria sem fim. cada um a sua maneira tem uma parte especial no meu coração. cada um faz coisinhas fofas que me derretem a sua maneira. o miguel com tudo que falei acima e o nico com seu jeitão parrudão, gostosão de apertar e pegar no colo, mais brutão, mas não menos carinhoso.

qualquer dia conto aqui as primeiras aventuras do meu negão, há 2 anos quando chegou em casa.

3 comentários:

mlicursi disse...

Lindo...lindo

Que bela história...
e, que sorte do Miguel...

Beijo

Blasko disse...

Os dois são filhos ótimos mesmo. Aprontam de vez enquando mas que crianças não aprontam né?

Beijos do maridones.

tati disse...

ai que meigo o Miguelito... Que engraçado, lendo o seu depoimento sobre ele, muitas coisas a sua irmãzinha Pandie faz igualzinho. Ela tem um miadinho rouco e baixinho, é muito diferente. Nos primeiros dias eu achei que ela estava fazendo fuuuu ou estava daquele jeito assustada, mas não, ela é rouquinha fofa. hahaha. Ela dorme sempre em cima de mim, ou no meio das pernas ou do lado tb, muito grudada hihi. Hoje, eu acordei com ela literalmente abraçada em mim!! Com a patinha colocada gentilmente e a cabeça no meu pescoço...Que sorte nos temos com esses fofos, né? Como você, eu não acredito que eles esperaram 2 anos e ninguém adotou...Ainda bem! Eles são perfeitos...rs. :)