segunda-feira, 30 de junho de 2008

lar temporário

há tempos tenho vontade de fazer um pouco mais pelos gatinhos do aug. apesar de todo o esforço que as meninas fazem para cuidar dos piludos, sempre tem mais piludos nas ruas precisando de ajuda.

ta, eu sei que adotar um gatinho carente já é coisa pra caramba. ainda mais com o tratamento “mummy’s kitty cat” que rola lá em casa. não é me gabando e por odiar falsa modéstia, que eu posso falar aqui que poucos gatinhos têm o tratamento que meus piludinhos têm. tudo em casa é pensado neles. se gostam, se não gostam, se vão sofrer.

só que eu sei e sempre soube que dava para fazer mais, sabe? poxa, eu tenho só dois piludinhos. não pretendo adotar mais, pelo menos não agora, pois o nico sofre demais, mas demais mesmo! ele ataca, faz fu, fica de mau, para de “falar” comigo. é um sofrimento só até ele se conformar.

acontece que faz um tempo que eu tenho pensado em ser lar temporário. fiz isso com o guto e gregório e, apesar de terem ficado em casa só duas semanas, foi super de boa. sempre que as meninas pediam ajuda neste quesito, meu coração apertava e eu sabia que eu podia fazer mais.

há algumas semanas, a lucy, elisa, taimi e outras gateiras que ajudam o aug, nos reunimos para fazer um mutirão do lar temporário. isso pq somos voluntárias da ong e acreditamos que nosso trabalho é, além de fazer a vida dos gatos melhor, ajudar a susan e a juliana a terem vidas mais tranqüilas tb. é sim, pq as pessoas entram no site achando que todos os gatos são lindos e bem cuidados, mas por trás de tudo, há muito trabalho e dedicação para que eles fiquem adotáveis!

pois bem, partindo deste mutirão, eu achei que nada mais justo que ajudar a liderar esta campanha, ser uma das primeiras a dar o exemplo. e foi isso que eu fiz!


sexta passada levei para casa estas duas piludas lindas e carinhosas.

pepita


pepa legal


sabe-se lá pq as duas estão há tempos no abrigo, encalhadas. são duas lindas, queridas e carinhosas. boazinhas de tudo,só esperando um lar bacana e definitivo. bom, enquanto isso não acontece, elas ficarão em casa e receberão tratamento vic [very important cat].

a reação do nico e do miguel foi mais que esperada. miguel, como sempre, não ta nem aí com o preço da goiaba. olhou as duas, tentou entrar no quarto [separei as pequenas por razões óbvias] e depois a vida dele seguiu novamente. já o nico... ah, este estressou. reação pior possível. fez fu para mim, para o miguel e para qq coisa que aparecesse na frente dele. me atacou, fez miados estranhos e ficou pê da vida.

aos poucos ta melhorzinho... aceitando melhor depois que percebe que a mamãe continua dando super atenção para ele. minha rotina tá maluca, pois para evitar ficar com o cheiro forte das pequenas, separei uma roupa para usar sempre que entro no quarto, pois é só entrar para a pepa começar a se esfregar em mim. tb tenho tomado mais banhos que o de costume [nunca fui tão limpinha], assim fico com cheiro de sabonete e creme e o nico não reclama tanto.

não sei se é psicológico ou não, mas parece estar funcionando. na verdade até demais –rsrsr. desde então, o nico deu para dormir em cima de mim a noite toda. acho que é uma tática para que eu não fuja no meio da noite para olhar as meninas.

to feliz com estas nova fase na minha vida de gateira. espero que nosso mutirão tenha sucesso e que mais pessoas abram suas casas para gatinhos que precisam de uma vida mais tranqüila, sem o stress de muitos gatos do abrigo.

* se vc se interessar e tiver um cantinho para abrigar um piludo temporariamente, me escreva uma mensagem que eu faço a interface entre vcs e o aug. mesmo com o stress que pode acontecer inicialmente, a sensação de ajudar um pequeno é muito boa! eu recomendo!

2 comentários:

Cláudia disse...

Lindo seu gesto e tb as peludas!
tb não sei pq estão encalhadas!
Vcs do Aug, se precisarem de divulgação para os gatinhos que estão para adoção ou qualquer outra coisa, pode falar, que eu coloco no meu blog (que não é super-famoso), mais já ajuda!
bjs

venuss disse...

legal a sua atitude. E as gatinhas vão agradecer pro resto da vidinha delas, pode contar!