segunda-feira, 19 de julho de 2010

gato não gosta de gente, gosta é da casa

quem que gosta de gatos e não cansou de ouvir esta frase chata e sem noção? eu pelo menos, sempre ouço uma coisa desta de alguém que adora denegrir a imagem dos gatinhos, mas não tem embasamento nenhum. mas, de onde vem esta história?

diferente dos cães, que vivem pelos seus donos, os gatos vivem para si e são super independentes, por isso, acabam ganhando a fama de não se apagarem aos humanos e serem indiferentes. mas isso não é verdade.

de acordo com a dra. angélica lang klaussner, amiga, veterinária dos meus filhos, especialista em gatos e em comportamento animal, que fez a gentileza de nos ajudar DE NOVO, este mito se deve pelo fato os gatos serem muito territorialistas e gostarem de impregnar o seu cheiro no ambiente em que vivem, pois seu cheiro é sua identidade. “o felino é a espécie animal mais metódica que existe, ele tem uma forma de vida muito criteriosa [salvo exceções], portanto não se acostuma com mudanças constantes. além disso, os gatos acreditam que realmente que o espaço em que vivem é deles e que seu proprietário apenas vive de favor”, conta angélica.

nico tem certeza que é meu dono!


este comportamento também explica a rejeição da chegada de um novo gato. “apesar de estressante, após um período que varia de acordo com o comportamento de cada indivíduo, a relação em comunidade é estabelecida e o ambiente volta a tranquilidade”, diz.

gatos também gostam de conhecer cada cantinho do lugar em que vivem e por isso, gostam de examinar a casa e saber onde podem se esconder ou para onde correr em caso de se sentir incomodado. quem tem gato sabe que, os mais medrosos, já sabem para onde correr ao som de uma simples campainha. outro dado bacana é que, em geral, quando estão com peso ideal, o bigode do gato mede a mesma largura de seu corpo e é por isso que eles entram correndo em buracos pequenos, na certeza de que, se o bigode passou, o resto do corpo passa.

mas gostar da casa e se sentir dono dela não significa que goste também do seu “inquilino, né? os meus, por exemplo, são super apegados. me esperam na porta quando se aproxima a hora de chegar do trabalho, dormem comigo na cama e fogem de visitas estranhas. uma vez viajei e minha irmã ficou em casa por uma semana. na época só tinha o nico e ela conta que quando ela estava em casa, ele ficava escondido no guarda-roupas e só circulava quando ela saia.

miguel dominando o território.


a dra. angélica explica que é cada vez mais comum atender casos em seu consultório de gatos com problemas de saúde devido à depressão, tristeza ou separação do proprietário, seja por morte ou por viagem. “recentemente uma cliente minha faleceu e sua gata fez greve de fome e miava o tempo todo mostrando sua tristeza e, claro, chamando pela proprietária. acho que estes casos são muito interessantes para ilustrar como os gatos são, sim, apegados aos seus donos e muito. eles sentem saudade e até ficam de luto”.

como diz a terapeuta de um amigo: “os cães são feitos para você aprender a ser amado. os gatos são feitos para vc aprender a amar”.

=D

* a dra. angélica colaborou com este post. para os interessados, ela atende na rua estado de israel, 46, na vila mariana. o horário de atendimento é das 9h às 18h, de segunda a quinta, e até às 16h, sextas e sábado. não é necessário marcar consulta. e como sempre me perguntam, ela também atende cachorros.

8 comentários:

Amor e Miados disse...

eu tb ja ouvi essa frase milhares de vezes e sempre me pergunto o pq das pessoas tentarem falar mal desses seres tão maravilhosos justamente para quem mais os amam.
acabei de voltar de viagem depois de uma semana e como sempre minha mãe e a moça que trabalha aqui em casa me relataram a preocupação com o arthur, como ele ficava miando pelos cantos, triste, se esfregando em minha cama e não deixando que ninguem tirasse os lençois com o meu cheiro. quando retornei notei que ele está pelo menos um quilo mais magro e desde então está dormindo nas minhas costelas muito contente. e isso pq ele nem ao menos é um gato muito dado a colo e carinhos, mas eu nunca duvido nem sequer um minuto do amor que ele mantém por mim e minha familia

Daniela Tórgo disse...

Só quem nunca teve gatos poderia disser uma bobagem destas eu tenho certeza que todos os meus gatos me amam uns mais que outros...e posso ver isto claramente no olhinho deles

Tânia (Marienkäfer Laden) disse...

Adorei a frase do seu amigo! E eu passei a vida ou vindo essa baboseira sobre gatos.

Gata Lili disse...

adorei o post! é sempre bom divulgar o conhecimento sobre felinos para os humanos. muitos deles precisam!

feliz dia do amigo para você e os bichanos! miaaauuu...

Vanessa disse...

Que frase perfeita!!!! Amei.

Repositório disse...

Nossa... amei este post.
Exatamente tudo é verdade e a frase, juro, cheguei a me arrepiar de tão verdadeira.
Adorei, de verdade!

Cats and Co. disse...

ja ouvi tantas vezes isso!!
e eu mesma ja falei isso :P....
mas hoje vejo como meus gatos ficam quando chegamos em casa descem as escadas correndo....e adoram ficar perto de mim e de minha familia.....

adorei seu blog e ja estou seguindo!!...faça uma visitinha no meu blog, acabei de criar um sobre cats e co.
um grande abraço.....

ana sales disse...

adoro gatos, tenho un da raça siames, ele e muto carinhoso comigo e eu com ele, nos brincamos muito dentro de casa, e ele ja e um gato adulto pq adotei ele ja grande, mas corro pela casa com ele ele adora brinca de esconde esconde, morro de rir pq ele sempre me axa
rsrsr, adorei seu blog