quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

odeio final de ano

pode parecer loucura, mas é verdade. esta época sempre me traz a sensação de que eu não fiz nada de bom o ano inteiro e que agora eu espero que a fada do dente ou qualquer outra fada que esteja disponível me ajude e me traga um ano melhor.



claro que todas as fadas devem estar ocupadas demais para lembrar de mim, mas melhor sempre pedir do que nem se quer se dar este trabalho, né?

o fato é que o ano novo me dá a mesma sensação do carnaval, só que em outro aspecto. no carnaval as pessoas acham que podem vadiar e dispirocar, pois "deus" deixa nesta época. sei lá, eu procuro ser eu mesma em todas as épocas, mesmo que isso cause má impressão em outras pessoas ou a deus... sei lá!

no ano novo, o quesito putaria fica de lado e as pessoas acreditam que são boas e amáveis e que todos se amam. elas cumprimentam aquela conhecida que odeiam e juram de pés juntos que desejam o melhor para todo o universo. mentira, né?

as pessoas na verdade querem mais é dinheiro no bolso e a saúde, bom, se depender delas elas vendem para aumentar a renda.

tirando o mal humor generalizado que me é peculiar, o que eu odeio mesmo no ano novo é o fato de ter que deixar meus filhos em casa. vou viajar amanhã cedo e, por mais que minha empregada vá cuidar dos meninos e minha amiga passe lá para saber se está tudo bem, sempre acho que estou sendo relapsa de alguma maneira. eu sempre tenho a sensação de que sou uma péssima mãe e que lugar de mãe é do lado dos filhos.

ao mesmo tempo, eu acho que eu mereço dois dias na praia, pois fui uma boa menina, ajudei gatos, ajudei gente, espalhei o bem. não roubei ninguém, não matei e não fiz o mal intencionalmente para nenhuma pessoa. procurei ser honesta e leal e dei grande parte do meu tempo para os que eu amo, entre eles os gatinhos!

mas meus gatos não tão nem aí, né? eles querem mesmo é a mãe do lado deles. será que alguma fada aí de plantão me ajudaria com a mega sena da virada? juro que não quero muito. um apê na praia para que eu pudesse levar meus filhos nestas épocas e nunca nos separarmos seria suficiente.

pensa com carinho, tá?

no mais, é trabalhar as neuroses e ter o pensamento positivo que 2011 vem trazendo alegrias para todos. que as pessoas sejam mais animais, pq já tá certo de que sendo humanas as coisas não ficam muito bem. se a gente pensasse como os cães ou gatos, o mundo seria o bicho!

e que eu tenha a alegria de não encontrar tantos animais nas ruas, mas que se eu encontrá-los, que eu tenha grana e saúde para cuidar deles e a sorte de achar famílias amorosas para que eles sejam felizes e estejam seguros.

#2011em1palavra GENTILEZA



miaumém!

8 comentários:

Karen, disse...

Luisa!!

Um 2011 repleto de felicidades para vc e seus bichanos!!

E consigamos fazer mais e mais em beneficios daqueles que estao sozinhos neste mundao de meu Deus!

Bjos

Marion disse...

Oi! Boa viagem!!! E não fique encucada, seus filhotes serão bem cuidados. Eu falo, falo, mas me sinto assim tb quando viajo. Morro de saudades preocupaçõs quando estou longe deles. Mas sei tb que sempre os deixo em boas mãos, minha irmã e minha mãe sempre cuidam direitinho deles.

Feliz 2011!

Beijos

Carola disse...

Guria, tudo bem ? Olha só, estava lendo seu texto sobre fogos, pq vou passar a virada de nao fora e fico em pânico pelos meus gatos, coloquei o link do texto lá, espero que não se importe.

Beijos e Feliz Ano Novo pra ti e pra catfamily haha

Carola

Talita disse...

Olá Luiza! Estou seguindo você! Adorei a frase do escritor espanhol que "não lembra o nome" e peço licença para postar no meu blog, ok? Amei seu blog. Dá uma passadinha no http://adotandobichinhos.blogspot.com e fique a vontade. Bjs!

Talita disse...

"desculpe a troca do "s" pelo "z" do seu nome... foi um lápso!!!

Prosopopéias Cintilantes disse...

OI, Luísa

Que em 2011 você posso continuar sendo amiga dos animais e com esse coração grande que você tem!
Felicidades a todos!
Um beijo
Stela e Petetecos

Nikita disse...

Tia querida, vim agradecer e retribuir os seus votos de um Feliz Ano Novo. Desejo que seu 2011 seja repleto de muita saúde, paz, amor e realizações.

Beijinhos e miadinhos da Nikita:)

Repositório disse...

Bah! Tb detesto deixar meus filhotes sozinhos... vamos lá que 2011 começou!!!
Um bom ano e menos abandono por esse mundo afora!
Beijos